Feeds:
Posts
Comentários

Outono é outono!

Morro de inveja dos países do hemisfério Norte onde as estações do ano são muito bem definidas, a ponto de definirem o calendário de atividades das pessoas.

Aqui no Brasil as estações praticamente são iguais, um poquinho mais de frio aqui, menos chuva ali, mas nada se altera demais. Exceto o outono.

É sempre nesta estação que, pelo menos pra mim, a coisa fica bem explícita. Sei lá, muda a luz, muda o vento, até meu humor muda. Não consigo explicar bem o que é, mas eu toda sinto o outono de forma diferente. Desde sempre.

E agora, inegavelmente ele está aqui. Outoníssimo! Nunca esqueço de um artigo da Sonia Hirsch que falava sobre outono e resgatava pequenos prazeres como tomar um banho morninho, um chazinho quente, uma sopinha bem elaborada, dormir quentinha….muito bom pra variar.

Anúncios

Divertidíssimo!

bel2.jpg

Olhem só a minha versão PERUA DECADENTE.

Morri de rir. É um site muito legal (www.taaz.com), onde você faz o upload de uma foto sua e aí faz maquiagens mil, muda cor de olhos, corte de cabelo e mais um monte de coisas.

Vale a pena, rendeu boas risadas por aqui!

Benção irlandesa

sopatricio1-full1.jpg

Eu adoro as bençãos irlandesas. Assim como as árabes são cheias de significados e pouca babaquice.

Essa é uma das minha preferidas. Dedico a todos os meus queridos.

“Que o caminho seja brando a teus pés,
O vento sopre leve em teus ombros.
Que o sol brilhe cálido sobre tua face,
As chuvas caiam serenas em teus campos.
E até que eu de novo te veja,
que  Deus te guarde nas palmas de Suas mãos”

Coceira nas mãos

scarf.jpg

O outono começa a dar as primeiras rajadas de vento friozinho e minhas mãos já começam a coçar de vontade de fazer cachecóis.

Minha musa inspiradora, a minha filhota, já tem uma coleção bem razoável deles, mas sinto muito, este ano terá pelo menos mais um.

Caru, já escolheu? Ou eu escolho? Andei vendo uns modelos bem batutas por aí. Vou selecionar os mais mais e mandar. Depois de pronto coloco aqui pra todo mundo ver.

E falando na filhota, nos recebeu em São Paulo com tratamento super VIP, como sempre. Ótima dona-de-casa, carinhosa, papariquenta. O amor da minha vida!

It´s raining again…

palm.jpg

A música é linda, mas não aguento mais chuva! Aqui está chovendo há exatos 8 dias, SEM TRÉGUA. E olhe que eu adoro chuva! Mas tudo tem um limite.

Dia besta hoje. Cinza, xoxo, improdutivo. Estou sem idéias, sem criatividade, sem vontade…um horror.

Não fosse a maravilhosa vitória de 4X1 em cima daquele TIMECO ontem, hoje estaria bem pior. Mas foi bom demais. Melhor que ganhar só do Corinthians é também GOLEAR o São Paulo e jogá-lo lá pra baixo na tabela. Maravilha!

Agora vou pra um banhinho quente, reequilibrar as energias, porque amanhã tem de ser batuta!

Cor-de-rosa

Pesquisando sobre tons de rosa para meus trabalhos, achei esta matéria no site do Sidney Rezende. Achei interessante e copio abaixo.

Entre os vários tons de rosa existem alguns maravilhosos e suas combinações são incríveis.

Incrível mesmo é que eu não gostava muito de rosa. Até hoje, para algumas coisas eu não gosto. E prefiro os tons fortes, como o rosa-choque.

Mas hoje estou apaixonada por ele. Daqui a pouco passa. Mas olhando bem o cabeçalho do meu blog, talvez não passe, não. Acho que gosto mesmo de rosa, indo pro lavanda, violeta, lilás, roxo…

rosa2.jpg

Com menos de uma hora de vida, recém-nascidas recebem uma pulseirinha cor-de-rosa para indicar que são meninas. E esse é só o começo de uma relação de amor com esta cor, que vai estar presente em roupas, acessórios, decoração, objetos pessoais, comunidades do Orkut… Mas de onde vem essa relação entre o feminino e o
cor-de- rosa? Quando e onde foi estabelecido que a mistura do branco com o vermelho seria a representante absoluta do gênero?

Na antiguidade, o rosa era relacionado ao rosado dos lábios, aos seios, e às partes íntimas de uma mulher do período clássico – mas o uso da cor era arbitrário. No século XX, a associação entre cores e gêneros sexuais emergiu contrária à que nós conhecemos hoje. Nas primeiras décadas, revistas femininas aconselhavam as mães a vestirem seus filhos de cor-de-rosa e suas filhas de azul. Um artigo da revista americana ‘Ladies Home Journal’, edição de junho de 1918, informa que “a regra geral diz que rosa é a cor dos meninos e azul é a cor das meninas. Isso porque o rosa é uma cor mais decidida e forte (variante do vermelho), logo, é mais adequada para um garoto. O azul, sendo uma cor mais delicada e leve, fica mais bonito nas garotinhas”. Além disso, o azul era a cor mais usada por artistas nas vestimentas da Virgem Maria, o símbolo feminino da Igreja Católica.

Na Segunda Guerra Mundial, os nazistas passaram a usar um triângulo cor-de-rosa como o símbolo identificador dos homossexuais nos campos de concentração, assim como a estrela de Davi amarela identificava os judeus. Isso prova que, na Alemanha, a cor já era relacionada às meninas. Combinado com o período pré-feminista, onde as mulheres reivindicavam o direito de usá-la também, o cor-de-rosa passou a representar o sexo feminino. Com o “boom” da publicidade, essa tendência foi consolidada e o rosa se tornou a cor das mulheres, e dos gays também.

Curiosidades a respeito do cor-de-rosa:

– Em 2007, paredes rosas estavam em alta.

– Em espanhol, o termo “novela rosa” designa um gênero de literatura de romance “água com açúcar”, direcionado para o público feminino.

– No Japão, filmes pornográficos são chamados de “filmes rosa”, devido à relação que a cor tem com a vagina da mulher.

– Existem 59 tons de rosa.

– O “rosa shocking”, cor característica da boneca Barbie, ficou popular com a estilista Elsa Schiaparelli , que em 1936 usou o tom na caixa do seu perfume “Shocking Pink”.

– Na mitologia grega, a flor rosa cor-de-rosa é associada ao deus Adônis, o amado de Vênus. Por isso, a cor se tornou símbolo do renascimento do amor que sobrevive à morte.

– Em 1968, a vendedora de cosméticos Mary Kay Ash comprou um Cadillac cor-de-rosa para fazer suas vendas pelos Estados Unidos, de porta em porta. O carro acabou se tornando símbolo da sua multinacional, a Mary Kay Inc.

Marte em Câncer

tempestmarte.jpg

Ontem havia alguma energia desestabilizada. Foi um dia, por um lado cheio de boas notícias e de outro lado bem desequilibrado: gente mal dormida, energias vitais comprometidas, falta de produtividade pra ficar só por aí.

Espero que hoje as coisas estejam restabelecidas ao devido equilíbrio e o dia seja produtivo e cheio de boas notícias.

Hoje Marte está em Câncer, ampliando o senso artístico, manifestando-se em processos criativos bacanas. Já é uma grande ajuda pra quem, como eu, está com a lista de pendências lotada de trabalhos que envolvem criação e diferenciação.

Apesar da enxaqueca (vou tomar mais um comprimido) vou acreditar que o dia hoje promete.